Menu

Cabo Verde e Timor-Leste assinam memorando para isenção de vistos


Os Governos de Cabo Verde e de Timor-Leste assinaram na segunda-feira, 21 de Julho, em Díli, um memorando de entendimento e dois acordos para isenção de vistos nos passaportes ordinários e para consultas bilaterais.

A informação foi avançada à Rádio de Cabo Verde (RCV) pelo ministro das Relações Exteriores cabo-verdiano, Jorge Borges, que rubricou os documentos com o seu homólogo timorense, José Luís Guterres.
Segundo o governante, o acordo para isenção de vistos nos passaportes ordinários vai permitir aos seus detentores a entrada e permanência sem visto num período de 90 dias, em cada um dos países.
Falando do acordo sobre o estabelecimento de mecanismos de consultas bilaterais, Jorge Borges explicou que «são as três áreas que se definiram como importantes para a cooperação».
Sobre o memorando de entendimento na área da Educação admitiu que poderá desembocar num acordo, pelo que há que fazer um trabalho «na área não só do ensino superior, como também da inovação e ciência».
Jorge Borges adiantou ainda que estão a trazer para a cooperação essa área, havendo já muitos peritos cabo-verdianos a trabalhar em Timor-Leste, alguns na área mais da Justiça e da Alfândega, pelo que Cabo Verde quer agora partilhar com aquele país a sua experiência na Educação.
«Esteve em Díli recentemente o Presidente do IEFP (Instituto do Emprego e Formação Profissional) de Cabo Verde, foi muito apreciada a sua presença porque, para além de participar em reuniões oficiais, teve a oportunidade de desenvolver uma série de palestras», revelou.
O governante cabo-verdiano disse estar a aproveitar a sua estadia em Díli para desenvolver uma série de contactos com representantes de Moçambique, Timor-Leste e Guiné Equatorial, e que a partir de terça-feira tem programadas reuniões de trabalho com os homólogos de Singapura, Nova Zelândia e Turquia.
Fonte:  PNN

back to top