Menu

Xenofobia: Moçambicanos repatriados da África do Sul chegam a Maputo


Pelo menos 107 moçambicanos, incluindo 22 crianças, chegaram na sexta-feira (17), a Moçambique, e foram instalados num campo em Boane, província de Maputo, repatriados da África do Sul devido à onda de violência xenófoba contra estrangeiros.

Este primeiro grupo, de um total de 600 que estavam, refugiados em centros de acolhimento na região sul-africana de Durban, foram transportados em dois autocarros e são maioritariamente oriundos das províncias de Maputo, Gaza e Inhambane, no sul do país.
Os repatriados foram instalados num campo situado num terreno da Autoridade Tributária, em Boane, e vão dormir em tendas disponibilizadas pelo Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC).
Os dois autocarros já regressaram à África do Sul para irem buscar uma nova leva de moçambicanos, devendo regressar a Boane com pelo menos mais 100 repatriados.
Fonte: verdade.co.mz

back to top